O que você precisa saber como iniciante para começar a anunciar no Facebook Ads

Neste artigo vou explicar para você o que é o Facebook Ads, e tudo o que você precisa saber, para começar a anunciar.

De maneira bem simples, por trás do Facebook que você usa como rede social, existe uma plataforma que a gente pode criar anúncios para mostrar para os usuários do Facebook e do Instagram.

Então, o que é o Facebook Ads? É uma plataforma do próprio Facebook para que você crie anúncios para os usuários tanto do Facebook quanto do Instagram.

Inclusive algumas pessoas dizem Instagram Ads. Mas no final das contas é apenas uma. E através dessa plataforma você pode criar e gerenciar anúncios para as duas redes sociais.

E o que você precisa saber para anunciar no Facebook?

Vamos dividir em dois pilares: pilar técnico e pilar estratégico.

1 – Pilar técnico

Falando sobre o primeiro pilar. O pilar técnico. A primeira coisa que você precisa é ter uma conta no Facebook Ads. É o que chamamos de Gerenciador de Negócios.

Você vai precisar também de uma forma de pagamento configurada para que você possa fazer o pagamento dos seus anúncios. Pode ser um cartão de crédito, Paypal ou até por boleto.

Uma vez que você tem um Gerenciador de Negócios criado, uma conta de anúncios criada, e uma forma de pagamento configurada você já pode tecnicamente poder anunciar no Facebook.

2 – Pilar estratégico / ou Pilar de Marketing

Este segundo pilar é o ponto de vista de marketing, de estratégia. O que você precisa saber deste ponto de vista? O ponto de vista de compra de tráfego. Que é o comprar o anúncio para aparecer.

O que você precisa pensar ou ter definido para começar a anunciar?

A primeira questão é validar se o seu público está no Facebook. Pense bem. O Facebook é um canal, como o Google, o rádio, a TV, jornal, panfleto. A primeira coisa que você precisa se perguntar é: o seu público está onde você está querendo anunciar?

Exemplo: quero colocar uma propaganda em uma rádio. E então você se pergunta: o seu público ouve rádio? Se ele não ouve rádio não faz sentido colocar o anúncio.

A pergunta que tem que ser feita: o seu público está no Instagram ou no Facebook? E tem uma forma bem simples de saber isso. Perguntando. Se você interage com sua audiência de alguma forma você pode simplesmente perguntar.

O segundo ponto é: o que você vai vender? Se você vai investir em publicidade paga é natural que você tenha algo para vender. Pode ser um produto, um serviço, ou você pode querer levar as pessoas à sua loja física. Mas o segundo ponto é este. Você deve ter alguma coisa para vender.

E aí você pode se questionar: mas eu não vendo nada. Eu só gero leads. Mas se você gera leads você futuramente pode vender informação, conhecimento. Você pode estar gerando leads para qualificar sua audiência, para que no futuro você possa vender alguma coisa. Então mesmo que não seja uma venda direta você faz uma conversão de leads para vender alguma coisa lá na frente.

O terceiro ponto é: qual é a sua oferta? Ou seja, como você vai vender o que você tem para vender?

Por mais que você saiba que você tem um produto, ou físico, ou digital, ou serviço. Seja ele online ou presencial, você tem que ter um jeito de vender. É a sua oferta. Oferta é aquilo que você vende. Produto é aquilo que você entrega.

Então você pode vender de várias formas uma consultoria financeira, você pode vender de várias formas um produto digita, você pode vender de várias formas o seu produto físico. E aquilo que você entrega, e aquilo que você entrega, é o resultado do que você entrega para quem comprou a sua oferta.

E se você não tem uma oferta definida, você precisa definir ela primeiro, porque isso vai dar ideia para todos os seus criativos. Na verdade é isso que vai gerar os famosos criativos.

E o que são esses famosos criativos? São vídeos, imagens, stories, textos. É todo o seu arsenal criativo, para apresentar a sua oferta, para vender o seu produto.

Então, se você não tiver uma oferta definida, fica complicado você passa para o próximo nível.

O quarto item é a audiência. Se você vai vender alguma coisa, e vai vender ela de uma forma específica, ou com uma oferta específica, você vai vender para alguém. Ou seja, você tem que ter uma audiência.

Existem várias formas de você segmentar públicos no Facebook. Você pode fazer o Look a Like, você pode fazer um anúncio por interesse (segmentar interesses de pessoas que comprariam de você), entre várias outras segmentações que o Facebook tem. Você pode “dizer” para o Facebook: “eu quero anunciar para esse grupo de pessoas”.

Quando você define para que grupo de pessoas você quer anunciar, você está dizendo para o Facebook para quem ele vai entregar seu anúncio. Mas principalmente, para quem ele não vai entregar.

Quinto item: para onde você vai mandar o usuário. O Facebook tem muitas alternativas. Você pode manda-lo para um site, para um fanpage, para um perfil do Instagram, para um link do Whatsapp, para um inbox do Messenger. Você tem muitas alternativas de destino para sua campanha.

Uma vez que você tenha todo o pilar técnico definido, e todo o pilar de marketing definido, o próximo passo é criar uma campanha.

Nos próximos artigos abordaremos todos os passos para criar uma campanha no Facebook.

Sobre o Autor

Rodrigo Andrade
Rodrigo Andrade

Empreendedor digital desde 2005, apaixonado por internet marketing, especialista em Wordpress, Facebook Ads, Google Ads e SEO.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *